Economia

10 Dicas para evitar e reduzir a inadimplência

O lojista que tem como prática trabalhar com vendas a prazo ou parcelamento, deve recorrer aos diversos métodos disponíveis para que não ocorra um índice de inadimplência alto em seu estabelecimento. 

Em maio de 2020, segundo a Serasa Experian,  o número de inadimplentes chegava a mais de 35 milhões de pessoas (o que equivalia, na época, a 24,5% da população). 

Atualmente, o Brasil registra cerca de 65 milhões de consumidores inadimplentes – o que representa em média, 30% da população –  dado divulgado em abril deste ano, também pela Serasa.

Estruture seus processos

A fim de manter a organização interna de seu negócio, o processo de controle de contas a receber deve estar bem estruturado, assim como o foco na qualidade de seus clientes versus o número de vendas realizado, ambos devem ser equalizados.

Para isto, convidamos você a seguir conosco neste artigo e obter mais algumas informações e dicas importantes, a fim de reduzir o número de inadimplentes em sua loja.

Aprimore o relacionamento com o cliente

Relacionar-se com o cliente é uma das primeiras formas para entender seu comportamento.

Você sabia que existem estudos que comprovam que 41% da receita de uma e-commerce é trazida pelos 8% dos consumidores recorrentes?

A dica aqui é enviar um e-mail um pouco antes da parcela vencer, com alguma oferta ou dica, que faça ele lembrar de seu estabelecimento. Inclusive, essa é uma boa solução para quem sabe, não precisar cobrar ele mais à frente!

O ponto aqui é investir em marketing de relacionamento e na boa comunicação com o consumidor, colaborando para a fidelização da sua base de clientes – seja seu negócio físico ou virtual.

Faça análise de crédito

Solicitar referências pessoais, comerciais ou bancárias, é o mínimo que seu departamento de crédito deve levar em consideração no momento de avaliar o risco da venda para determinado consumidor.

A SERASA, por exemplo, possui alguns sistemas que utilizam cálculos estatísticos, identificando aqueles consumidores com maior ou menor probabilidade de ficar ou não inadimplentes. Consulte as possibilidades dessa parceria.

Aplique penalidades

Infelizmente, alguns clientes só irão dar prioridade para o pagamento de sua loja, se existirem penalidades aplicadas ao parcelamento em atraso, tais como a cobrança de multas e juros.

Lembre-se que a decisão por cobrança das dívidas de forma extrajudicial ou judicial, deve ser analisada e levada em consideração dependendo do nível de atraso do pagamento. Atenção neste ponto.

Atue com órgãos de proteção ao crédito

Informe ao seu cliente as consequências por atraso em seus pagamentos no momento em que o mesmo realizar a compra à prazo, como exemplo, o registro de inadimplência nos órgãos de proteção ao crédito.

De forma sólida, vocês iniciarão uma relação comercial pautada em transparência.

Existem diversas opções para que você consiga construir um relacionamento financeiro saudável junto a seus clientes.

Ofereça vantagens e descontos em caso de quitação antecipada, proporcionando métodos de pagamento acessíveis e monitorando, por exemplo, como anda o comportamento de cada consumidor de forma individual.

Realize também análises financeiras periódicas, a fim de prever algo que não esteja saindo conforme o planejado.

De mais a mais, lembre-se que qualquer tipo de constrangimento, que exponha o devedor de forma pejorativa, é crime, e para isso, tenha em seu time pessoas qualificadas para esta e quaisquer outras funções.

Fidelize pela recorrência

Uma das melhores maneiras de permanecer com o seu caixa equilibrado, é  saber manter  os clientes recorrentes.

Para isso, é fundamental que quem esteja à frente de uma empresa, desenvolva estratégias  para os clientes que já são “de casa”, angariando novos formatos de recebimentos, e retendo aqueles consumidores que já fizeram alguma compra na loja.

Você sabia que modelo de vendas recorrentes traz para as empresas em média 40% da receita? Aposte nisso.

Use o modelo de assinaturas

O modelo das assinaturas geralmente é realizado via cartão de crédito e tem renovação automática, sendo efetuada mensalmente a cobrança pela aquisição ou uso do produto ou serviço. 

Vale lembrar que estabelecer contratos com seu cliente, para deixar tudo bem desenhado, colabora para além de ter um bom relacionamento com ele, para ter também um fluxo de caixa constante.

Automatize as cobranças

Um sistema que cuida especificamente da automação de cobranças, é fundamental para o pessoal que atua no financeiro da empresa.

Principalmente para aquelas lojas que trabalham com um número grande de clientes, em que a cobrança gerada em lote é a solução para ganhar tempo e eficiência de processos.

Geralmente as plataformas mais simples já contam com uma análise de perfil de consumo dos clientes, além de mostrarem relatórios referentes a cada tipo de cobrança, sejam elas recorrentes, feitas em cartão de crédito  ou ainda a situação dos boletos bancários em específico.

Automatizar a cobrança é um processo crucial para gerir melhor a sua  base de clientes, além de aumentar a competitividade da sua loja de forma rápida e eficaz.

Analise os resultados 

A análise de compra e de perfil de cada cliente é uma tarefa que os sistemas de gestão também resolvem, afinal, para incrementar resultados, é necessário buscar uma atuação sempre baseada em dados.

De modo objetivo, ter o controle de clientes em planilhas de excel, é “coisa do passado”, pois atualmente um sistema de gestão é capaz de gerar insights poderosos para que os processos financeiros da sua loja estejam estruturados e seja possível obter uma lista de inadimplentes para realizar as devidas cobranças.

Invista em um bom sistema de gestão

Nada melhor que ter os dados financeiros de sua empresa organizados em um sistema de gestão eficaz, afinal o conhecimento da saúde financeira de um negócio, orienta o planejamento estratégico como um todo.

A partir da implementação de um sistema de gestão, é possível gerenciar o seu fluxo de caixa, ter a conciliação bancária, cobranças, controle de crédito além de, gerenciar contas a pagar e receber em um único lugar.

Além disto, com o controle financeiro ideal, que acompanha toda movimentação de títulos dos clientes, assim como o fluxo financeiro, sua loja certamente ganha em solidez e segurança em todos os processos. 

E que tal ter uma plataforma on-line para gerenciar a sua loja de forma rápida e prática, com uma estrutura completa para controlar o financeiro, gerir estoque, vendas, além de realizar a emissão de notas fiscais e com isso melhorar todas as suas análises por meio da emissão de relatórios? 

E que tal contar com um sistema de gestão como o Sólidus Smart para auxiliar a reduzir a inadimplência da sua loja.

Deixe seu comentário