Gestão Empresarial Loja Vendas

5 Sintomas de uma Gestão Ineficiente

Escrito por Fernanda Delgado

Você sabia que atualmente mais de 50% das empresas abertas no Brasil acabam sucumbindo e fechando as portas antes de completarem dois anos de vida? E segundo dados atualizados do SEBRAE, essa taxa de mortalidade pode chegar a 52,18%.
Mas o que fazer para não ser parte dessa estatística?
Não cair nas armadilhas que trouxemos para você a seguir, já é um bom começo, pois via de regra, são elas as principais causas que interferem negativamente no seu negócio.
Confira!

FALTA DE PLANEJAMENTO DO NEGÓCIO
Sabe aquela história de que “a pressa é inimiga da perfeição”? Pois é, todas as coisas têm o seu tempo.
Empreender, abrir um negócio, exige que nos detenhamos inúmeros cálculos e análises prévias, caso contrário, corremos o sério risco de arranjar mais um problema e não uma solução.
A natureza do negócio, o espaço, o mobiliário, o número de colaboradores, a concorrência, os pontos fortes e fracos do negócio, tudo deve ser pensado exaustivamente. E planejado. Pois é dessa maneira que estaremos assegurando a longevidade do empreendimento.
Não tenha pressa, gaste o tempo necessário para chegar o mais próximo da perfeição ainda na fase do planejamento.

FALTA DE TREINAMENTO E MOTIVAÇÃO DA EQUIPE
O seu planejamento também deve considerar o bem-estar da sua equipe, afinal, grande parte do sucesso do seu negócio vai depender do desempenho dela.
Por isso, mantenha seu time permanentemente treinado, sobretudo motivado para as vendas. Isso aumenta a produtividade e elimina a seguir, os gastos que possam existir por conta do turnover em seu negócio.
Inclusive, existem várias programas de treinamento motivacionais para equipe de vendas na internet, muitos deles gratuitos.
Vá em busca dos melhores, como no site do próprio SEBRAE, FGV, USP, todas estas instituições oferecem cursos on line “de graça”.
Aproveite!

FALTA DE CAPITAL DE GIRO
Todas as coisas têm o seu tempo para acontecer.
Não corra o risco de interromper a trajetória do seu empreendimento e ser obrigado a parar no meio do caminho por falta de um fôlego financeiro. Previna-se, tenha sempre uma reserva para as emergências.
Quando planejar o seu negócio, considere “guardar” um pouco para tocar o empreendimento até a hora do lucro. O sucesso sempre exige um pouco de sacrifício.

FALTA DE INDICADORES DE DESEMPENHO
Não basta ter um bom planejamento e uma boa estrutura física e pessoal.
O negócio de sucesso requer cuidados diários, acompanhamento de indicadores que mostrem a realidade da empresa e as correções de rota.
Vendas, estoque, margem de lucro, custo com pessoal, aluguel, frete, etc, são algumas das variáveis a serem revistas permanentemente.
Só assim o seu negócio será mais competitivo.

FALTA DE QUALIDADE DOS PRODUTOS/ SERVIÇOS
A qualidade dos produtos e serviços, aliada aos preços e ao atendimento que sua loja oferece são itens fundamentais para a longevidade do seu negócio.
De nada adianta seu negócio ter bons preços e atendimento, se a qualidade daquilo que você entrega não atende às expectativas do cliente.
Procure ser percebido como um lojista de qualidade em todos os itens pelos quais você possa ser avaliado. É a maior garantia que o seu cliente, além de voltar, ainda vai recomendar o seu estabelecimento para outras pessoas.
Então, preparado para iniciar a sua empresa ou melhorar a que você já tem?
Considere as dicas acima e não esqueça: em tempos de tecnologia, um bom sistema de gestão facilita todos estes processos! Bons negócios.

Gostou das dicas, deixe seu comentário!

Sobre o autor

Fernanda Delgado

2 Comentários

Deixe um comentário