fbpx
Gestão Empresarial Loja Marketing

13 Dicas para o Lojista Lidar com a Concorrência

Escrito por Sólidus Smart

Sua loja pode ter um plano de negócios excelente, lembre-se que ela não está sozinha no mercado.

Ao tomar ciência desta questão, é importante verificar o que a concorrência está fazendo para ter sucesso: se está com produtos de melhor qualidade, que tipo de estratégia de marketing está utilizando, ou até mesmo, qual produto está proporcionando maior fonte de renda para este competidor.


Veja a seguir, alguns pontos importantes para iniciar esta análise:

A Crise é de agora ou de sempre?

A primeira coisa a se fazer é esquecer a crise. O país sempre conviveu com uma economia financeira oscilante.

O que existe, então, são picos de uma economia mais ou menos fragilizada, consequência de gestões igualmente mais ou menos competentes. Independente do plano político, sobre o qual não temos ascendência, resta-nos ignorar a crise e focar em nosso negócio.

Se tiver que se falar em crise, deixemos isso por conta da concorrência.


Estou fazendo mais do mesmo
Trabalhar de forma inovadora e criativa, na maioria das vezes traz bons resultados.
O que leva o cliente da loja concorrente a vir para a sua, se ambas empresas tem o mesmo tipo de trabalho? Estratégias de vitrine e visual merchandising são grandes aliadas do lojista para cativar e reter a atenção do futuro cliente.
Atuar na identificação das necessidades do consumidor e que não vêm sendo atendidas pela concorrência, é essencial para uma estratégia de diferenciação;


Quem são os adversários?
Focar nas cinco primeiras lojas do segmento, que tenham o mesmo porte que a sua, é um bom início para um trabalho de pesquisa acerca da concorrência de mercado. Identificar os principais pontos do concorrente, como localização, valores praticados, fornecedores contratados, podem ser fatores chaves para tornar sua loja mais competitiva;


Foque no perfil do seu público
Analise o seu público e descubra seus gostos e preferências.

Isto vai permitir a você: trabalhar os seus diferenciais, bem como oferecer produtos dirigidos para ele. E o melhor, sem travar embates com a concorrência.

É a especialização em um nicho do mercado.


Pontos fortes e fracos
Após verificar o que sua loja está fazendo de igual ou diferente, é ideal analisar detalhadamente seus pontos fortes e fracos. Estudar cada categoria de sua loja, é primordial para seu estabelecimento determinar a especialidade e foco de atuação dentro do mercado varejista.
Avaliar junto ao consumidor a reputação de seu estabelecimento, também ajudará na definição das estratégias de ação, afinal, saber em que momento e onde está sua empresa, é sempre importante no momento de dar um passo à frente, além de ser coerente diante de qualquer concorrência;


Guerra de preços vale a pena?
Este é um assunto com o qual é preciso ter muito cuidado, pois há uma linha tênue entre “anunciar um produto com vantagens” e “passar a desvalorizá-lo a ponto de comprometer o seu fluxo de caixa”.

O preço baixo vale a pena somente quando você compra muito bem.


Foco na experiência
Diante da expansão do e-commerce no Brasil, o varejo possui um novo desafio: proporcionar experiências inéditas para o cliente que está na loja física. E isso está sendo observado por este futuro cliente desde a pré-venda.
Você sabia que as lojas que possuem atendimento e ambiente diferenciado, conquistam mais clientes para uma compra futura?


Transparência e ética são fundamentais
As chances de sobrevivência do seu negócio aumentam quando você mantém uma relação de transparência e ética com o mercado. Com o tempo, esses valores são percebidos por seus colaboradores, fornecedores e clientes. A boa reputação não tem preço


Concorrente: um futuro parceiro?
Já que a concorrência no varejo é formada por diversos players, é importante zelar pelas boas práticas desde o princípio, afinal, alguns competidores podem virar seus futuros parceiros.
Em tempos de crise, muitos lojistas acabam tornando-se aliados e expandindo juntos seus negócios, por isso, uma postura ética na prática de uma concorrência leal, é essencial para o bom andamento das relações comerciais em qualquer setor.
Sendo assim, que tal sob uma ótica racional, enxergar seus concorrentes como forças propulsoras atuando em um mesmo segmento?


Não abra mão da qualidade 
Será que vale a pena sacrificar a qualidade de seu produto em detrimento do preço? A resposta é não.

Se produtos da concorrência, semelhantes aos seus e com valores inferiores vendem bem, é certo que os produtos mais duráveis também irão vender. Isso porque, além da durabilidade, cada vez mais o público está valorizando o design e a funcionalidade do produto.

E se você agregar outros serviços como consultoria e instalação, por exemplo, melhor ainda.


O Pós Venda é um diferencial
Uma boa forma de sobressair em relação à concorrência é praticar o pós venda.

Sim, porque a sua relação com o cliente não acaba na hora em que ele compra de você. Ao contrário, esse deve ser apenas o início de uma convivência de longo prazo, com um atendimento personalizado para ensejar uma segunda compra.

Privilegiar os já clientes com vantagens exclusivas e ofertas de produtos aumenta essa possibilidade.


Fique atento e seja ágil
Não perca de vista a sua concorrência. Nunca.

E seja ágil no atendimento das expectativas do cliente. A concorrência não é o perigo. A inércia é que pode levar ao pior.

Identifique de forma rápida o que o mercado está pedindo. Quais são as tendências? O que o seu público alvo espera de você?

Obtenha as respostas para essas questões diariamente e você terá assegurado a longevidade do seu negócio;


Exclusividade
Aposte em produtos exclusivos. Persiga isto permanentemente e você estará arranjando uma dor de cabeça para a concorrência. Todo cliente adora exclusividade e se ela vier com preço justo, melhor ainda. É sucesso garantido!

Sobre o autor

Sólidus Smart

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.